É como quem me mata #3

Conas. Não conas no sentido literal e agradável da palavra, claro, mas gajos conas. Coninhas. Aqueles lambõezinhos muito miudinhos a falar, com floreadinhos e palavrinhas mansinhas com muitos -inhos, como “materialzinho”, “entregazinha”, ou “facturinha”. Ou  “continha”, “carimbozinho”. Argh!! Que até o estômago se me revira…

E duas lambadinhas no focinho? A ver se acordam para a puta da vidinha? Pode ser?

4 thoughts on “É como quem me mata #3

  1. Eva Maria diz:

    Esses são na minha gíria os Adoezitos… aqueles que têm a mania que sao florezinhas porque sao muito simpaticozinhos e sao docinhos e que assim é que se sobe na vida.. a lamber cuzinhos… enfim…
    DONT LIKE.
    I’m with yaa

  2. Lia diz:

    Acabaste de usar uma palavra acabada em -inho xD

  3. “duas chapadas bema ssentes e punha-te a falar como gente”, é sempre o que penso quando um coninhas fala comigo… Depois tenho de pedir pa repetir porque nao ouvi nada do que ele disee….

  4. Breakfast in Bed diz:

    ahahaha tal e qual🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: